tomate industrial sem desperdicio

Não, ter uma boa plantação de tomate não se consegue só quando se tem grandes terrenos. Este o artigo é para todos aqueles que possuem pequenas hortas em casa, ou em vasos nos apartamentos.  

Bem sabemos que o tomate é um dos frutos mais famosos do mundo. Não só pelo seu sabor peculiar, mas também pela sua versatilidade na confeção de pratos. Por isso, quem são os amantes da agricultura que nunca desejaram conseguir plantar este fruto? Temo a certeza que muito poucos.  

A verdade, é que mais do que ter uma cultura incrível, o importante também é pensar em como consegui-lo com alternativas sustentáveis. Tudo aquilo que seja para aumentar a nossa pegada verde na terra pode ser uma boa opção. Assim sendo, todas estas dicas, não contemplam o uso de fertilizantes artificiais, nem químicos agressivos para o meio ambiente. Venha daí e faça connosco uma viagem pelas dicas que temos para lhe dar: 

  1. Bicarbonato de Sódio  

Sim, leu bem! Estamos mesmo a falar de bicarbonato de sódio e este é um truque que lhe fará ter ótimos resultados. Para as pessoas que não gostam de consumir tomate tão ácido, esta dica vai ser uma mais valia.  

Para isto, basta deitar um pouco de bicarbonato de sódio ao pé do tomateiro. Isto fará com que o bicarbonato seja absorvido pela terra e como consequência os níveis de acidez vão baixar. Tornando o tomate mais doce.  

Tenha em consideração que esta dica pode funcionar melhor se estiver a produzir o tomate em vaso.  

  1. Borras de café  

Este truque já não é novo, mas nunca é tarde demais para relembrar. Para que ele resulte basta que junte as borras de café à terra, isto fará com que a composição nutricional da terra seja bem melhor. Assim a terra irá ficar mais carregada de nutrientes.  

Este é um ótimo fertilizante natural, que vai dar à terra e à planta todas as fontes nutricionais que sejam necessárias.  

  1. Aspirina  

O que não o vai deixar com uma dor de cabeça é a sua plantação depois de adotar esta dica. Para isto, deverá deitar 2 ou 3 aspirinas num buraco ponde for plantar o tomateiro. Não precisa de partir a aspirina: Estas podem ser colocadas inteiras ou não.  

Mas em que ajuda a aspirina? No sistema imunitário da planta. Isto fará com que algumas doenças típicas destas culturas fiquem afastadas e também fará com que a planta produza ainda mais frutos.  

Mas se já tiver plantado e não tiver aplicado esta dica, não desespere porque ainda vai a tempo. Também pode pulverizar as plantas com as aspirinas diluídas em água.  

  1. Farinha de ossos 

Este é um fertilizante natural muito conhecido durante a plantação dos tomateiros.  O que faz deste produto tão famoso é a sua riqueza em fósforo e cálcio o que faz dele um ótimo adubo natural para a as plantas.  

Mas como conseguir a farinha de osso? Uma vez que este produto pode ser um pouco difícil de obter, explicamos-lhe como o pode fazer em casa de forma bastante tradicional.  

Para isso junte os ossos que restaram do seu consumo ao longo do dia e congele-os até chegar numa quantidade significativa com o passar dos meses. Quando tiver esta quantidade significativa, aproveite um churrasco que faça em casa e “asse” estes ossos na churrasqueira. Para que o processo resulte coloque os ossos diretamente na chama até que fiquem completamente brancos. Assim que obtiver esta cor, retire-os e reserve até que arrefeçam. Quando estiverem completamente frios irá ser bastante simples esfarelá-los. Caso tenha dúvida sobre este processo, pode saber mais aqui.  

Estas são apenas quatro das dicas incríveis que pode encontrar para conseguir ter uma cultura de tomate de sono. E não se preocupe, a agricultura algumas vezes pode ser um pouco mais complexa do que parece. Mas isso não invalida que não consiga obter a partir dela todos os produtos que deseja.  

Muitas vezes tudo se trata de persistência, cuidado e um pouco de pesquisa.  Já conhecia todas estas dicas?